Categoria: Eleições Municipais

Reflexões iniciais sobre a sucessão em Fortaleza

Segunda maior cidade da região Nordeste, com mais de 2,5 milhões de habitantes, a capital cearense tem grande peso no cenário nacional. A exemplo de Salvador (BA) e Recife (PE), Fortaleza é um manancial de lideranças, e seus destinos políticos interessam a todos. As eleições municipais desse ano deverão ser marcadas por um forte embate…
leia mais

Reflexões iniciais sobre a sucessão em Curitiba

Maior cidade da região Sul do país, com aproximadamente dois milhões de habitantes, a capital paranaense também é estratégica no xadrez político nacional. Modelo de administração em um passado não tão distante, a situação hoje é outra, e o eleito no final do ano enfrentará grandes desafios. Ao contrário de outras capitais, Curitiba, até o…
leia mais

Reflexões iniciais sobre a sucessão em Belém

A capital paraense exerce influência política e econômica não somente na Região Norte, como em todo o país. Repetindo o ocorrido em eleições anteriores, o pleito será muito disputado, com representantes de todo o espectro político-ideológico. O atual prefeito, Zenaldo Coutinho (PSDB), está fora do páreo por encerrar seu segundo mandato. Na esquerda, a novidade…
leia mais

Reflexões iniciais sobre a sucessão em Recife

Com quase 1,7 milhão de habitantes, a capital pernambucana é o centro da quarta maior área metropolitana do país. Ao longo da história, a cidade sempre exerceu influência sobre a política nacional, e essa realidade não mudou. Em 2020, a disputa pela prefeitura terá como um dos elementos mais importantes um racha entre os partidos…
leia mais

Reflexões iniciais sobre a sucessão em Porto Alegre

Com aproximadamente 1,5 milhão de habitantes, a capital gaúcha será mais uma vez estratégica para as pretensões dos partidos nas eleições do final do ano. Dessa vez, a disputa tem um elemento extra - o processo de impeachment do atual prefeito, Nelson Marchezan Júnior (PSDB). A situação de Marchezan, que ainda se coloca como pré-candidato,…
leia mais

Reflexões iniciais sobre a sucessão em Salvador

Uma das principais e maiores cidades do Nordeste do Brasil, a capital baiana exerce grande influência sobre a política regional e nacional. As eleições municipais de novembro serão importantes para indicar os rumos do processo sucessório presidencial de 2022. Bem avaliado pela população, o prefeito ACM Neto está em segundo mandato e, portanto, não poderá…
leia mais

Reflexões iniciais sobre a sucessão em Belo Horizonte

Com aproximadamente 2,5 milhões de habitantes, a capital mineira será mais uma vez estratégica para as pretensões de partidos e coalizões nas eleições do final do ano. Apesar do leve favoritismo do atual prefeito, Alexandre Kalil (PSD), a disputa está em aberto. O empresário e engenheiro civil Kalil ingressou em 2014 na política, portanto pode…
leia mais

Reflexões iniciais sobre a sucessão no Rio de Janeiro

Assim como São Paulo, a capital fluminense é peça fundamental no xadrez político nacional e o resultado do pleito do final do ano terá reflexos na sucessão presidencial de 2022. Com muitos pré-candidatos dispostos a entrar no jogo, a disputa está em aberto. O pano de fundo das eleições de novembro é a caótica gestão…
leia mais

Reflexões iniciais sobre a sucessão paulistana

Tida como a “jóia da Coroa”, a capital paulista é estratégica para o xadrez político nacional e, por isso, objeto do desejo de todos. Quem a comanda tem, em tese, uma peça-chave na disputa presidencial. Dadas as incertezas geradas pelo governo Bolsonaro, as eleições de novembro terão ainda mais importância. Da esquerda à direita, são…
leia mais